As suas análises são um espelho de si


O sangue é um espelho que reflete o estado do seu organismo.


Se temos uma gripe, a análise ao sangue será concordante com esse estado. Se existe a suspeita de diabetes, o sangue apresentará alterações que confirmarão ou não a suspeita de diagnóstico que a clínica apresenta. A análise dos valores resultantes das análises permite confirmar diagnósticos de doença de que se suspeita perante os sintomas e/ou sinais que apresenta. São poucas as situações clínicas onde o sangue não reflete uma alteração do seu estado de saúde.


Mas o sangue também revela estados de desequilíbrio bem antes da doença. Quando identificadas, essas modificações muitas vezes sutis, permitem a implementação de ações que evitaram a doença.


Os resultados analíticos devem ser sempre considerados não como os melhores, mas sim, como o espelho que reflete o seu estado presente a partir do qual é possível melhorar.


Melhorar significa antes de mais, começar por olhar para trás e entender se o estado presente é o reflexo de um acontecimento vivido recentemente ou num tempo longínquo. Se a causa da situação atual resulta de um evento isolado ou de um hábito que se vem repetindo. Esta análise conduz a um plano de tratamento dirigido à causa que levou à condição presente.


Quando olhamos no espelho contemplamos o aspecto externo do momento presente, quando se avalia analiticamente o sangue observamos s o aspeto interno . O que escolhemos fazer dependerá sempre do reflexo dessa imagem do espelho interno no nosso bem estar do agora.


Mais importante do que fazer análises e saber que está tudo bem é saber o que podemos melhorar, só assim salvaguardamos o futuro com ações no presente.


30 visualizações
  • Anatomia D´Idolo
  • Anatomia D´idolo

© 2020 por Anatomia D´Idolo. Criado com carinho por Tradi