Exercício Físico no Doente Oncológico


O exercício físico tem uma ação determinante na prevenção da obesidade, no reforço imunitário, na redução da inflamação, na regulação hormonal e no bem estar global.


Os mecanismos fisiológicos que comprovam o seu contributo na manutenção da saúde ou na resolução de estados de doença ajudam agora a demonstrar a sua importância em outras áreas como as doenças oncológicas. A evidência científica aponta agora para uma relação entre exercício-inflamação-cancro.


O doente oncológico passa por um tratamento complexo e na maior parte das vezes longo ao qual se somam os efeitos laterais das várias intervenções terapêuticas a que é submetido. Decorrente desse estado, existem sintomas que abalam e desafiam o dia a dia, entre os mais comuns contam-se a dor, a fadiga, o linfedema, as alterações físicas como o peso, a perda de massa muscular, a limitação da mobilidade e ainda a perda da memória e alteração do sistema nervoso e cardiovascular.


O exercício permite melhorar a qualidade de vida, diminuir ou eliminar limitações resultantes dos tratamentos, impedindo a progressão dos efeitos laterais, melhorando o estado anímico e incrementando a energia.


É de extrema importância para a recuperação do doente a criação de um plano de exercício personalizado. Esse plano deve levar em consideração o tipo de tumor, a sua localização, o tratamento efectuado, os inerentes efeitos laterais e o atual estado clínico. Tal como em outra situação de doença ou do indivíduo saudável esse plano tem uma evolução em tempo e intensidade que é determinado pelo doente e pelo suporte de quem lhe desenha o plano de recuperação ou treino.


O doente oncológico necessita como qualquer outro doente ou indivíduo saudável de momentos de descanso e recuperação mas também de mobilidade, de superação e de bem estar.


A vida é constituída por movimento e o doente oncológico quer viver.

É importante ser acompanhado por um profissional em que confie e que tenha as habilitações e o conhecimento necessário para interpretar, avaliar e orientar a sua condição especial, conduzindo-o ao tão desejado estado de bem estar.


34 visualizações
  • Anatomia D´Idolo
  • Anatomia D´idolo

© 2020 por Anatomia D´Idolo. Criado com carinho por Tradi