Meditação


O mundo gira á volta das modas. Mas quando a moda se alicerça num conhecimento milenar que persiste no tempo é porque não é somente uma moda.


A nossa mente gira e pula de pensamento em pensamento numa velocidade estonteante a par com a agitabilidade diária. Expomos-mos a uma enorme quantidade de estímulos diferentes provenientes simultáneamente de várias fontes dispersas. A nossa mente é continuamente bombardeada por solicitações e descobertas, tornando-se aos poucos cada vez mais intranquila, cansada e desvitalizada.


A sua actividade caótica, cria pensamentos que geram emoções que nos confundem e nos conduzem a acções que nos roubam o momento presente.

Soma-se à agitabilidade física a inquietude interior.


A meditação acalma e tranquiliza a mente. Os seus efeitos são sentidos fisicamente a muitos níveis, entre eles a tensão arterial, o relaxamento muscular e o desempenho cognitivo.


Quando a mente está cheia de pensamentos não há espaço para a energia curativa. A meditação cria esse espaço. Quando praticada com regularidade ela ativa áreas cerebrais associadas a alegria e à serenidade.


Meditar não é contudo uma fórmula que se reproduz e toma. Exige tempo e dedicação para silenciar a mente, voltar os pensamentos para o interior e alcançar níveis mais profundos da consciência. A prática da meditação exige antes de mais vontade de estar bem.


Depois bastará encontrar aquela com a qual se identifica. A meditação é um instrumento poderoso para a cura das inquietudes do corpo, da mente e do espírito. Descobrirá que a meditação oferece um leque enorme de opções para a sua prática, não se resume a ficar sentado numa almofada, pode ter movimento, pode tempo e formas diferentes, requerendo de cada um somente resiliência e entrega.


7 visualizações
  • Anatomia D´Idolo
  • Anatomia D´idolo

© 2020 por Anatomia D´Idolo. Criado com carinho por Tradi