Rejuvenescer!



O que queremos dizer quando falamos em rejuvenescer? Falamos em reparar, recuperar, cuidar para prevenir.


Como fazer? Cada um tem um percurso próprio, assim os gostos não são os mesmos. O primeiro passo é observarmos os nossos hábitos, a nossa forma de estar na vida. Essa observação deve ser isenta de críticas, o que pretendemos perceber é o que somos, o que precisamos e o que nos dá prazer, no fundo conhecermos-mos fora da influência social ou das modas. A intenção é podermos viver a vida desfrutando das nossas preferências sem que elas causem sofrimento ao nosso organismo.

Poderemos então estabelecer para alguns itens pelos quais temos preferência limites ou dinâmicas mais saudáveis.


1. Álcool

Mais de 90% do álcool é metabolizado no fígado.

Estudos observacionais mostraram que o consumo de álcool de baixo a moderado é benéfico para a saúde do coração, mas o seu consumo excessivo de álcool pode causar problemas de saúde . Beber muito álcool reduz a capacidade do fígado de realizar suas funções normais, como desintoxicar.

Limitar a sua ingestão em qualidade, quantidade e ocasiões é de extrema importância.


2. Sono

Garantir um sono adequado é essencial para apoiar a saúde do seu corpo.

Dormir permite que seu cérebro se reorganize e recarregue.

O sono deficiente em quantidade ou qualidade tem consequências para a saúde a curto e longo prazo, como stress, ansiedade, hipertensão, doenças cardíacas, diabetes, a obesidade entre outras.

Se tem dificuldades para adormecer à noite, mude o estilo de vida, mantendo um horário de sono e limitando a exposição á luz azul emitida por dispositivos móveis antes de dormir.

3. Água

A água é importantíssima no nosso equilíbrio, somos 70% de água. Ela regula a temperatura do corpo, lubrifica as articulações, auxilia a digestão e a absorção de nutrientes e colabora na eliminação de produtos residuais tóxicos ou em excesso.

Fazer-se acompanhar dela de uma garrafinha é um ótimo reminder para a nossa tomada de consciência.


4. Açúcar

Acredita-se que o açúcar e os alimentos processados ​​estejam na raiz das crises de saúde pública de hoje. O alto consumo de alimentos açucarados e processados ​​tem sido associado à obesidade e outras doenças crônicas, como doenças cardíacas, as doenças oncológicas e a diabetes .

Procure informação junto de pessoas credenciadas que o possam orientar na escolha dos seus alimentos. Adquira o hábito de olhar para os rótulos. Procure o que é natural e reduza tudo quanto é manipulado ao menos possível.


5. Antioxidantes

Os antioxidantes protegem suas células contra danos causados ​​por moléculas chamadas radicais livres. O stress oxidativo é uma condição causada pela produção excessiva de radicais livres. Seu corpo produz naturalmente essas moléculas para processos celulares, como a digestão. No entanto, álcool, o fumo, a dieta pobre e a exposição a poluentes podem produzir radicais livres em excesso

Ingira sempre presente em algum momento do dia alimentos com propriedades antioxidantes com as bagas, frutas, nozes, cacau, vegetais, especiarias e bebidas como café e chá verde

Consumir uma dieta rica em antioxidantes ajuda seu corpo a reduzir os danos causados ​​pelos radicais livres e pode diminuir o risco de doenças que podem afetar a desintoxicação.


6. Sal

Para algumas pessoas, a desintoxicação é um meio de eliminar o excesso de água .

Consumir muito sal pode fazer com que seu corpo retenha o excesso de líquido.

Restringir o sal, fazer uma boa hidratação, ingerir alguns alimentos ricos em potássio como

abóbora, feijão, banana e espinafre vão ajudar a não reter tanta água e a sentir-se melhor.


7. Exercício

O exercício regular está associado a uma vida mais longa e a um risco reduzido de muitas condições e doenças como a diabetes, as doenças cardíacas e a hipertensão, entre outras.

E qual o exercício adequado. O exercício é como as cores nem todos gostamos das mesmas.

Atenda às suas preferências, constituição física e disponibilidade. Depois entenda que todo o exercício para ser saudável deve ser bem realizado do ponto de vista técnico, adequado em carga e frequência ao seu corpo e estilo de vida. lembre-se que sedentarismo não é bom mas excesso de carga também não é adequado.


15 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

© 2020 por Anatomia D´Idolo.  DESIGN BY TRADI

 
  • Anatomia D´Idolo
  • Anatomia D´idolo